Feijão: preferencia nacional


Você sabia que no Brasil o feijão já existia antes da chegada dos portugueses? O grão era consumido pelos indígenas com farinha de mandioca. Os portugueses, acostumados com preparações com molhos, utilizavam o alimento para deixar a comida mais “molhada”.
A feijoada, um prato típico brasileiro, feito com feijão preto e carne de porco, nasceu na senzala e era preparado pelos escravos. Assim, o feijão apreciado tanto por africanos como por portugueses, tornou-se um prato de destaque na mesa do brasileiro, sendo consumido em todas as regiões.

Hoje, o feijão é uma preferência nacional: de cada 10 brasileiros, sete consomem feijão diariamente, segundo dados do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Existem aproximadamente 40 tipos de feijão, sendo o da classe carioca o mais aceito em todo o país, porém as estatísticas indicam uma redução gradual na aquisição domiciliar de alimentos considerados tradicionais na dieta da população brasileira, mas que demandam mais tempo de preparo, como o caso do feijão.
Faz bem saber!
Além de contribuir com fibras, o feijão também representa um das principais fontes de ferro na alimentação do povo brasileiro. O consumo desse grão também contribui com vitaminas hidrossolúveis, como tiamina, riboflavina, niacina, vitamina B6 e ácido fólico. Insira esse alimento saudável na sua alimentação e confira os benefícios para sua saúde. 
Alimen-TC Bem © Copyright 2012. Desenvolvido por Elaine Gaspareto